"Vede, eu envio o meu mensageiro que preparará o caminho diante de mim. De repente virá ao seu templo o Senhor, a quem buscais, o mensageiro da aliança, a quem desejais; ele vem, diz o Senhor dos Exércitos. Mas quem suportará o dia da sua vinda? E quem subsistirá, quando ele aparecer? Porque ele é como o fogo do ourives e como o sabão dos lavandeiros. Assentar-se-á como fundidor e purificador de prata; purificará os filhos de Levi, e os refinará como ouro e como prata. Então eles trarão ao Senhor ofertas em retidão, e as ofertas de Judá e de Jerusalém serão aceitáveis ao Senhor, como nos dias antigos, e como nos primeiros anos. Chegar-me-ei a vós para juízo, e serei uma testemunha veloz contra os feiticeiros e contra os adúlteros, e contra os que juram falsamente, e contra os que defraudam o trabalhador, e pervertem o direito da viúva, e do órfão, e do estrangeiro, e não me temem, diz o Senhor dos Exércitos." - Malaquias 3:1 a 5

Neste trecho em Malaquias capítulo 3 nós temos uma profecia sobre a visitação divina - uma profecia que se cumpriu com a primeira vinda de Jesus, que se cumprirá na Sua segunda vinda, mas que também se cumpra nas “vindas” do Senhor através do Seu Espírito (João 14: 16 e 18).

Estas "vindas" ou derramamentos do Espírito Santo são chamados de renovação, despertamento, avivamento etc... Podemos ver neste trecho em Malaquias as fases destas visitações do Espírito Santo.

a. O Mensageiro

"Vede, eu envio o meu mensageiro que preparará o caminho diante de mim..." - versículo 1

Antes do avivamento, sempre há uma "voz", como no exemplo de João Batista antes da primeira vinda do Senhor Jesus:

"Este é aquele de quem o profeta Isaías falou, ao dizer: Voz do que clama no deserto, preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas." - Mateus 3:3

Antes de cada grande avivamento do passado, Deus enviou os seus mensageiros para preparar o povo para a Sua visitação, como, por exemplo, Evan Roberts no País de Gales, Frank Bartleman na Rua Azusa, Peggy e Christine Smith (de 84 e 82 anos de idade) nas Ilhas Hébridas, etc...

Hoje Deus está levantando muitas vozes nesta nação!

b. A Busca

"De repente virá ao seu templo o Senhor, a quem buscais..." - Versículo 1b

"O Senhor a quem bucais" não é "o Senhor que ignorais" nem "o Senhor que virá se Ele quiser!" A resposta à voz do mensageiro tem que ser que nós buscamos ao Senhor até que Ele cumprisse a Sua promessa de visitação.

"se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar e buscar a minha face, e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra." - 2 Crônicas 7:14

Nós temos o exemplo de Daniel que, quando ele percebeu que o tempo tinha chegado para o cumprimento da profecia da restauração de Jerusalém, começou a buscar ao Senhor:

"no primeiro ano do seu reinado, eu, Daniel, entendi pelos livros que o número de anos, de que falou o Senhor ao profeta Jeremias, que haviam de transcorrer sobre as desolações de Jerusalém, era de setenta anos. Dirigi o meu rosto ao Senhor Deus, para o buscar com oração e rogos, com jejum, pano de saco e cinza." - Daniel 9:2 e 3

"Estando eu ainda falando e orando, e confessando o meu pecado, e o pecado do meu povo Israel, e lançando a minha súplica perante a face do Senhor, meu Deus, pelo monte santo do meu Deus, estando eu, digo, ainda falando na oração, o homem Gabriel, que eu tinha visto na minha visão ao princípio, veio voando rapidamente, e tocou-me à hora do sacrifício da tarde." - versículos 20 – 21

Quando ouvimos a voz do mensageiro, precisamos responder "venha o Teu reino, seja feita a Tua vontade, assim na terra como no céu" (Mateus 6:10).

O avivamento do País de Gales foi liderado por Evan Roberts, que orou desde os 13 anos de idade, até os 26 anos para o avivamento individual e nacional. William Seymour, que liderou o Avivamento da Rua Azusa, estava orando cinco horas por dia quando o Senhor o falou que isso não foi o suficiente e que ele precisava orar para sete horas por dia. Quando ele obedeceu esta direção de Deus o avivamento começou.

c. A Visitação

"De repente virá ao seu templo o Senhor..." - Versículo 1b

Mesmo que o mensageiro está preparando o povo de Deus, o avivamento sempre vem "de repente."

De repente, no dia do ano novo de 1739 o Espírito caiu sobre John e Charles Wesley, George Whitefield e outros membros do "Clube Santo", começando o avivamento Wesleyano.

De repente, no dia 31 de outubro de 1904, depois de ter tido uma visão no dia anterior, Evan Roberts reuniu os jovens da sua igreja local, que oraram "Envia o Espírito Santo agora, em nome de Jesus Cristo", e o avivamento do País de Gales começou.

De repente, no dia 9 de abril de 1906, o Espírito Santo caiu numa pequena reunião de oração na Rua Bonnie Brae, número 214, em Los Angeles, EUA, e o avivamento da Rua Azusa começou.

Avivamento sempre tem um lugar e uma data de começo, de visitação. Precisamos estar prontos para reconhecer o "onde" e o "quando" do "de repente."

d. O mensageiro que desejamos

"o mensageiro da aliança, a quem desejais; ele vem, diz o Senhor dos Exércitos." - versículo 1c

Um dos propósitos do avivamento é de restaurar o nosso entendimento, nossas expectativas e experiências sobre a Nova Aliança. Na Nova Aliança há cura, salvação, batismo no Espírito Santo, a adoção como filhos e filhas de Deus, e a transformação na imagem do Filho etc... O “mensageiro da aliança” vem para restaurar nosso entendimento da aliança: vemos pessoas sendo salvas, curadas, libertas, transformadas, batizadas no Espírito Santo e lembramos que estas coisas estão na Nova Aliança.

É possível buscar o Senhor até que Ele vem, mas não desejá-lo quando Ele vier. Isso foi o problema dos Fariseus e outros líderes religiosos dos Judeus – eles querem o Messias, mas não queriam aquele Messias! O Rei sempre vem montado num jumentinho. Ele sempre vem para ofender a mente humana, nosso entendimento humano de como Ele opera. Como o Pastor John Arnott fala, “Ele ofende nossa mente para revelar nosso coração.”

"Deus escolheu as coisas vis deste mundo, e as desprezíveis, e as que não são, para aniquilar as que são; para que ninguém se glorie perante ele." - 1 Coríntios 1:28-29

e. A purificação do povo de Deus

"Mas quem suportará o dia da sua vinda? E quem subsistirá, quando ele aparecer? Porque ele é como o fogo do ourives e como o sabão dos lavandeiros. Assentar-se-á como fundidor e purificador de prata; purificará os filhos de Levi, e os refinará como ouro e como prata. Então eles trarão ao Senhor ofertas em retidão, e as ofertas de Judá e de Jerusalém serão aceitáveis ao Senhor, como nos dias antigos, e como nos primeiros anos." - versículos 2 a 4

O primeiro propósito de avivamento é de restaurar a Igreja, o povo de Deus, os "filhos de Levi."

"Pois já é tempo que comece o julgamento pela casa de Deus; e se primeiro começa por nós, qual será o fim daqueles que são desobedientes ao evangelho de Deus?" - 1 Pedro 4:17

O avivamento vem não porque nós o merecemos mas, sim, porque precisamos dele; não porque nós somos santos, mas, sim, para nos santificar. Ele vem para refinar e preparar a Sua noiva, a Sua Igreja.

"Vós, maridos, amai a vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra, a fim de apresentá-la a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível." - Efésios 5:25-27

f. A transformação da sociedade

"Chegar-me-ei a vós para juízo, e serei uma testemunha veloz contra os feiticeiros e contra os adúlteros, e contra os que juram falsamente, e contra os que defraudam o trabalhador, e pervertem o direito da viúva, e do órfão, e do estrangeiro, e não me temem, diz o Senhor dos Exércitos" - versículo 5

A fase final do avivamento é a restauração da sociedade ao padrão da Palavra de Deus, com justiça, retidão e compaixão, gerando uma benção que pode continuar através de gerações.


Pr Paul David Cull
www.avivamentoja.com


Da apostila do seminário Buscando o Verdadeiro Avivamento.
Citações da Bíblia da Edição Contemporânea de Almeida da Editora Vida.

Deixe seus comentários sobre esta matéria em nossa comunidade online.