­

Podemos nos perguntar como o novo avivamento será; qual será a forma que ele vai assumir? Precisamos responder que Deus é criativo, e como todos os avivamentos do passado foram expressões diferentes do Seu poder e da Sua presença, este mover também não será exatamente igual a nenhum outro.

Porém, podemos ver na Bíblia e no estudo dos avivamentos do passado, alguns indicadores que podem nós dar algumas dicas sobre este novo mover.

Talvez o avivamento mais parecido com aquele que está por vir foi o Jesus Movement (Movimento Jesus) dos anos de 1967 a 1973.

Podemos esperar um grande mover de Deus entre essa geração, alcançando especialmente os segmentos mais excluídos da sociedade. Pregadores poderosos e evangelistas ungidos serão levantados entre os adolescentes e jovens das favelas, morros e ruas. Muitos serão resgatados do vício, da marginalidade e do tráfico. Derramamentos do Espírito Santo varrerão instituições de internação de menores infratores e escolas, tanto públicas quanto particulares.

O avivamento não caberá dentro de uma só estrutura eclesiástica, nem será dirigido somente por líderes atualmente reconhecidos. Novas estruturas e redes serão formadas, e mesmo que muitos dentro das igrejas venham a ser renovados e venha a ser grande o crescimento numérico naquelas igrejas que abraçarão o mover, este não caberá somente dentro das denominações e igrejas existentes. Novos líderes - muitos deles jovens e até adolescentes - serão, mais uma vez, "levantados da poeira da obscuridade e das circunstâncias desprezadas" para pastorear o mover de Deus.

Jovens e adolescentes recém-convertidos estarão evangelizando multidões dos seus colegas, invadindo morros e favelas com a luz de Cristo. Milagres, curas e manifestações sobrenaturais confirmarão a pregação da Palavra, porém toda a honra e a glória serão dadas somente ao Senhor Jesus.

Como William Seymour da Rua Azusa e Evan Roberts do país de Gales, aqueles que estiveram dirigindo os cultos e reuniões, muitas vezes preferirão ficar escondidos para não atrair a atenção das pessoas. E enquanto o espírito de humildade permanecer, o avivamento continuará.

Crianças pequenas terão visões e visitações do Espírito Santo, e entregarão profecias com uma pureza e simplicidade que será inegavelmente inspirada por Deus.

Haverá forte convicção do pecado, e o temor do Senhor será manifesto no meio do Seu povo. A santidade não será apenas um alvo, o tópico de sermões e estudos, mas será a experiência real vivida por milhares de pessoas. A libertação não será o foco das pregações e ministrações, mas a Pessoa do Senhor Jesus será exaltada, e, na manifestação pura da Sua Presença, muitas libertações verdadeiras e duradouras acontecerão. Curas físicas e emocionais serão comuns, muitas vezes acontecendo espontaneamente enquanto os crentes estiverem adorando ao Senhor Jesus, em outras ocasiões sendo ministradas através de crianças, adolescentes e outros desconhecidos seguidores de Cristo.

Certamente, o mover vai atrair muita oposição e perseguição e, como em todos os avivamentos na história da Igreja, alguns dos piores ataques virão do meio do povo de Deus. Alguns líderes, sentindo seu poder e prestigio diminuindo, criticarão o avivamento, seus líderes e as novas estruturas que estarão surgindo. Outros serão escandalizados pelas manifestações sobrenaturais, e chamarão o mover de um engano diabólico. Ainda outros não conseguirão aceitar que jovens e adolescentes sejam usados tão poderosamente por Deus.

Mas o fruto do avivamento falará por si mesmo. Como o Senhor Jesus falou: "Não há boa árvore que dê mau fruto, nem má árvore que dê fruto bom."1 A mudança radical de tantas vidas será auto evidente. As orações de muitas mães, que choravam sobre seus filhos desviados, serão respondidas. Traficantes darão testemunho da transformação da sua vida, e se entregarão às autoridades para cumprir pena por crimes cometidos antes da sua conversão.

Haverá uma fome pela Palavra de Deus. Estudos bíblicos serão feitos em casas, escolas, lugares de trabalho. Até as mesas de botequins e bares serão tomados por grupos querendo ler e estudar a Bíblia.

Muitos bares se fecharão por falta de freguês, seus donos convertidos. O tráfico de drogas desaparecerá de alguns dos morros e das favelas mais conhecidas nas manchetes dos jornais de hoje. As taxas de criminalidade nas regiões impactadas pelo avivamento mostrarão baixas significativas, bem como os índices de gravidez precoce de adolescentes e de mortes de jovens em acidentes de transito, onde o abuso das bebidas alcoólicas é um fator principal.

À medida que o avivamento se espalha e vidas serão verdadeiramente convertidas, os padrões de Deus irão invadir todos os setores da sociedade, incluindo o comércio, os negócios, a política e o poder público. A corrupção diminuirá e leis justas serão implementadas. A Igreja, e a sociedade em geral, voltarão a ter uma consciência social, se importando com os oprimidos, excluídos e necessitados. Grandes problemas sociais serão resolvidos pela simples obediência à Palavra de Deus.

Neste mundo globalizado, com os meios de comunicação e transporte que temos hoje, um avivamento verdadeiro se espalhará rapidamente. Na mesma maneira que o avivamento de Gales inspirou aquele da Rua Azusa, através das cartas entre Evan Roberts e Frank Bartleman e a visita de Joseph Smale ao país de Gales, as notícias e a unção deste mover serão transferidas para diversos lugares do mundo na velocidade da luz, através da internet.

Missionários avivados, muitos dos quais foram convertidos no avivamento, serão enviados para as nações, e o fogo se espalhará até para lugares que hoje são considerados impenetráveis e fechados ao Evangelho. Alguns destes heróis do Evangelho perderão suas vidas nesta tarefa gloriosa, porém os frutos do seu sacrifício brotarão e permanecerão.

Tudo isso pode parecer um sonho impossível. E é um sonho, sim. O sonho de Deus para esta geração, esta nação, nestes dias em que vivemos.

Coisas semelhantes - e muito mais - têm acontecido ao longo da história da Igreja, quando o povo de Deus resolveu buscá-Lo em prol da sua sociedade, seus vizinhos, seus amigos e parentes. As promessas de Deus não mudam. O mesmo poder e a mesma promessa da visitação Divina, estão disponíveis para nós hoje.


Pr Paul David Cull
www.avivamentoja.com


1 Lucas 6:43

Da apostila do seminário Buscando o Verdadeiro Avivamento.

­